Retorne ao SPIN

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Regulação da mídia; Vamos conversar...

Em todo início de mandato, quanto às indicações para ocupar os cargos de primeiro escalão, nos deparamos com o seguinte dilema: Técnico vs político? Quem define isso? Sabe-se lá. Só sei que, em se tratando de Ministro da Fazenda, que seja um técnico. E que se dote de lastro político outros ministérios tais como, como por exemplo o das Comunicações. E o da Fazenda? Como diz PHA,  que seja qualquer um, é só prá fazer conta mesmo. Quanto ao setor das Comunicações, precisamos de um político como Jacques Wagner até mesmo pq precisamos conversar. Enquanto a Globo e o Jabor berram, estaremos conversando no WhatsApp, Face e Tuite sobre a regulação da mídia, dizendo o que é de fato, mostrando que o pig mente quando não diz que a proposta de Dilma é a regulação econômica sem censura prévia, sem controle de conteúdo(mas com direito de resposta). Como já existem experiências concretas de regulação da mídia no mundo capitalista, como EUA e Reino Unido, é facílimo mostrar para as pessoas que esse bláblá de  "bolivarianismo" é o pig querento assustar crianças com conversas de boi da cara preta.  Que o debate comece agora e não somente em agosto(http://www.conversaafiada.com.br/pig/2014/11/06/dilma-avisa-ao-pig-monopolio-da-globo-nao/), pois o pig tá berrando por ai no maior desespero insuflando as massas, de forma que talvez agosto seja muito tarde, com o poder de fogo que tem, o pi  pode regular(sic derrubar) a presidente antes de agosto: Golpistas não dormem no ponto.


Autor: Paulo Henrique Amorim
Comunicações é mais importante que a Fazenda. Mas não tem que ser um ministro da Globo?
Liga o Vasco, na sala de embarque do Aeroporto de Claudio, à espera da chave do Titio.
- Ansioso blogueiro, quem vai ser o Ministro da Fazenda?
- Não tem a menor importância, Vasco.
- O que é isso ? A eleição te tirou o senso.
- Não me tirou o senso de nada, Vasco.
- Então, como é que você me diz que o Ministro da Fazenda não tem a menor importância?
- Vasco, me diz uma coisa: como é o nome do Ministro da Fazenda dos Estados Unidos?
- Bem, é verdade, lá chamam até de Secretário.
- Você sabia que o porta-voz do Obama é mais importante que o Secretário do Tesouro?
- É mesmo, ansioso blogueiro?
- É, Vasco.
- Então, põe qualquer um lá?
- Não, tem que botar um bom contador, aplicado, que saiba as quatro operações …
- Basta isso?
- E um pouquinho mais. Aqui no Brasil é que tem essa obsessão por Economia, Fazenda… Uma doença tropical …
- Mas, não precisa acalmar os mercados?
- Vasco, a Dilma não vai acalmar os mercados nunca, porque o PT não faz omelete com o mercado, nem o mercado faz omelete com o PT. São escolas gastronômicas muito diferentes, Vasco …
- Entendi. Feijão e arroz.
- Não, Vasco. Feijão e arroz se misturam. É água e azeite, Vasco.
- Mas, e aí, ela vai peitar o mercado?
- De jeito nenhum ! Tem que botar lá um contador que o mercado reconheça como um contador competente, que não vai hostilizar o mercado.
- Mas contador não formula política, ansioso blogueiro…
- E quem disse que Ministro da Fazenda formula política, Vasco? Quem formula política é o Presidente da República, eleito pela maioria do povo. Ministro da Fazenda administra a caixa.
- Ansioso, você está simplificando. O Brasil não cresce, a inflação bate no teto, a indústria capenga …
- E o DESEMPREGO DESABA, Vasco. De novo, é uma questão política: desempregar ou explodir os juros, Vasco? Política, meu caro Watson …
- Tá, e daí ? Que contador que você prefere?
- Qualquer um, Vasco. Tem uma dúzia. Que faça as contas direitinho, que o mercado engula – ou finja que engole – e fale pouco, muito pouco.
- Por que ansioso?
- Porque Ministro da Fazenda que fala muito engole mosca.
- Tá. E o que é mais importante que o Ministro da Fazenda?
- O Ministro das Comunicações.
- Por que … das Comunicações? Mas, ninguém fala nisso.
- Exatamente por isso, Vasco. Porque ninguém quer ser o Ministro das Comunicações…
- Então, por que não deixa o Bernardão?
- Seria melhor nomear o Schroeder, Vasco.
- Quem? Chi … o que?
- Deixa pra lá, Vasco.
- Então, o Mercadante vai querer, se é tão importante assim …
- Vasco, eu acho que você ainda não captou o espírito da coisa …
- Mas, por que essa preocupação toda com o Ministro das Comunicações? Ele não tem que ser sempre da Globo?
- Sempre foi assim.
- E vai mudar agora?
- Se não mudar … esquece!
Pano rápido.

Nenhum comentário: